sexta-feira, 13 de junho de 2014

Memória, Verdade e Justiça: Argentina completará nove anos de justiça contra ditadura

Argentina completa, neste sábado (14), nove anos do início de um processo histórico de julgamentos que continuam até os dias de hoje contra quem violou direitos humanos durante anos ditatoriais.

"El 14 de junio de 2005 la Corte Suprema declaraba inconstitucionales las leyes de Obediencia Debida y Punto Final, en un fallo histórico que aceleró los juicios a más de un centenar de represores y permitió nuevas detenciones por violaciones a derechos humanos" - Agência Télam. Leia matéria completa em espanhol.

"No dia 24 de junho de 2005, a Corte Suprema declarava inconstitucionais as leis de Obediência Devida e a do Ponto Final, em um momento histórico que acelerou os julgamentos de centenas de repressores e reprimiu novas detenções como violações a direitos humanos" - livre tradução/Erika Morhy